Cotação

Dados pessoais

Dados da empresa




Como ficou sabendo sobre os serviços da HEWYSA LTDA?:



Consultoria

Consultoria

Mediação

A mediação é um processo que, através do auxilio de uma pessoa neutra e imparcial (o mediador), ajuda as pessoas a dialogarem e a cooperarem para resolver um problema. A mediação é mais do que um método para solucionar os conflitos, também é uma forma de impedir conflitos futuros.

A mediação representa uma forma consensual de resolução de controvérsias, na qual as partes, por meio do diálogo franco e pacífico, têm a possibilidade, elas próprias, de solucionarem seu conflito, contando com a figura do mediador, terceiro imparcial que facilitará a conversação entre elas.

A mediação não deve ser utilizada para todo e qualquer caso. Cada tipo de conflito tem uma forma adequada de solução, razão pela qual se deve, sempre que possível, tentar a combinação de métodos. Temos insistido na tese de que a mediação deve ser utilizada, prioritariamente para as transações dos inter-relacionamentos.

Enfim, havendo um conflito, a Mediação pode se dar entre duas empresas (business to business – B2B); entre uma pessoa física e uma pessoa jurídica (business to person – B2P); ou ainda entre duas pessoas físicas (person to person – P2P).

Mediação Extrajudicial: Ver Lei 13140 de 26 de junho de 2015;

Mediação Judicial: Ver Lei 13140 de 26 de junho de 2015;

Princípios e valores que regem a Mediação:

  • Neutralidade;
  • Imparcialidade;
  • Informalidade;
  • Confiabilidade;
  • Sigilo e ética profissional;
  • Autonomia da vontade;
  • Confidencialidade;
  • Poder de decisão das partes;
  • Independência;
  • Oralidade;
  • Competência e Habilidade do mediador.

Recomendado para:

Passos:

Resultados obtidos:

  • Diálogo cooperativo
  • Feedback
  • Comunicação de via dupla
  • Melhor relacionamento interpessoal
  • Clima Organizacional Satisfatório
  • Resoluções de conflitos criativas
  • Respeito mútuo
  • Desenvolve a escuta ativa
  • Fala assertiva
  • Negociação ganha a ganha

A mediação possibilita detectar o conflito real a partir do diálogo entre as partes (mediados). Muitas vezes, os problemas que se expressam são aparentes ou ocultos, tendo em vista a dificuldade que as partes têm de falar sobre o real problema. Entretanto, através das técnicas da mediação, o “mediador” auxilia os mediados a clarificar qual é o conflito real, assim sendo, caminharemos para a resolução eficaz do problema, se isto for à vontade das partes.

A visão positiva do conflito é considerada um ponto importante. Pois o conflito, normalmente, é compreendido como algo negativo, que coloca as partes umas contra as outras. Todavia, a mediação, através do “profissional mediador” clarifica aos mediados que as divergências são naturais entre as pessoas e também de certa forma necessárias, pois possibilitam o crescimento e as mudanças. O que será negativo é a má-administração do conflito.

O MEDIADOR – profissional com formação original diversa ( direito, psicologia, administração de empresas, pedagogia, letras, engenharia, contabilidade, medicina, etc.) e necessariamente formação específica em Mediação de conflitos.